Colegiados de Direito da UNEB participam de encontro sobre atuais desafios da formação jurídica na Bahia: dia 14/06, na Ufba

Os colegiados dos cursos de Direito dos campi I (Salvador) e XIII (Itaberaba) da UNEB vão participar do I Encontro dos Cursos e das Faculdades de Direito Públicas e Gratuitas da Bahia: Itinerários Sociopolíticos do Ensino Jurídico e as Crises Democráticas Contemporâneas.

O evento vai se realizar no próximo dia 14 de junho, na sala da congregação da Faculdade de Direito da Universidade Federal da Bahia (Ufba), bairro da Graça, na capital, das 8h30 às 18h30.

Segundo os professores Ainah Angelini, coordenadora do colegiado do Campus I, e Fredson Timbira, coordenador do colegiado do Campus XIII, o objetivo do encontro, destinado aos gestores do cursos de Direito da Bahia, é estabelecer redes de cooperação interinstitucional para discutir a educação jurídica em suas dimensões capitais – ensino, pesquisa, extensão, prática jurídica inovadora e curricularização da extensão – e os atuais desafios da formação jurídica na Bahia.

A iniciativa é uma realização do Colégio Brasileiro de Faculdades de Direito Públicas e Gratuitas, entidade criada na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP) no ano passado com o propósito de discutir melhorias, aperfeiçoamentos e avanços contínuos no campo do Direito.

De acordo com os coordenadores, a criação da entidade foi motivada pela “necessidade de partilhar conhecimentos, experiências e práticas na área do ensino jurídico é fundamental não apenas para aprimorar a qualidade da oferta do curso de Direito, mas também para fortalecer as próprias bases do estado democrático de direito que, nos últimos anos, tem sofrido instabilidades sociais e políticas que subvertem os ideais jurídicos”.

“Com esse espírito, entendemos pela conjugação de esforços para estabelecer um espaço de diálogo permanente entre instituições que têm vocação para a discussão da educação jurídica, sobretudo pelos desafios impostos à formação acadêmica, intelectual e técnica dos estudantes, docentes, coordenadores e gestores da educação superior, de modo geral. O Colégio Brasileiro de Faculdades Públicas e Gratuitas promove a cooperação, a solidariedade e o compartilhamento mútuo de boas práticas para aprimorar a excelência acadêmica das instituições de ensino jurídico”, destacam os coordenadores.

Texto: Divulgação, com edição da Ascom. Imagem: Divulgação.