HQ Afirmativa - Você é a UNEB

Pró-Reitoria de Ações Afirmativas

HQ Afirmativa – Você é a UNEB

OI, GENTE!

    Nós, da UNEB, queremos que você ingresse, permaneça e conclua o ensino superior em uma universidade, como a nossa, que é pública e gratuita.

   Somos uma instituição de educação superior que oferta mais de cento e vinte opções de cursos em toda a Bahia. Estamos presentes em vinte e quatro campi localizados em municípios baianos de grande e médio porte, distribuídos em dezenove territórios de identidade. Ofertamos cursos de graduação e pós-graduação, presencial e à distância. E, além disso, temos núcleos e centros dedicados à pesquisa e à extensão que produzem ciência.

   Sim, isso mesmo, uma grande universidade para todos e todas! E, justamente por isso, estamos atentos às estratégias de igualdade de oportunidades. Uma delas é o sistema de cotas.

E você, sabe o que são as cotas?

    Criado em dois mil e dois, o sistema de cotas da UNEB faz parte da política de ações afirmativas da instituição. Essa estratégia de equidade no acesso, permanência e conclusão busca garantir que mais pessoas possam ingressar no ensino superior.

   No contexto das políticas de reparação para negros e negras, as cotas foram pensadas como uma forma de superação das desigualdades educacionais, uma vez que, os negros e as negras de baixa renda que estudaram em escolas públicas são os que historicamente têm menos oportunidades para o acesso ao ensino superior. Na UNEB, desde o vestibular de dois mil e três, quarenta por cento das vagas são reservadas para estudantes que se autodeclaram negros ou negras. A partir de dois mil e sete, o sistema de cotas agregou os indígenas através de cinco por cento de sobrevagas.

E o que é sobrevaga?

    Para além das vagas que regularmente ofertamos para cada curso, disponibilizamos – para segmentos específicos da sociedade – uma porcentagem a mais. Em outras palavras, as sobrevagas ampliam a oferta de vagas na UNEB para superar as desigualdades no acesso ao ensino superior na Bahia.

    Pausa para algo muito importante: a nossa universidade vem construindo ações de enfrentamento às discriminações.Todos e todas têm voz, vez e saberes! E, para garantirmos a diversidade e a diferença na UNEB, ampliamos nosso sistema de cotas. A partir de dois mil e dezoito, pessoas pertencentes a comunidades quilombolas, indígenas e ciganas; travestis, trans; e pessoas com deficiência, pessoas com espectro autista, pessoas com altas habilidades também têm direito a cinco por cento de sobrevagas.

   Essa revista, construída pela Pró-reitoria de Ações Afirmativas (PROAF) em parceria com o Centro de Processo Seletivo (CPS) e com a Pró-reitoria de Ensino de Graduação (PROGARD), foi feita para você que acredita e luta pela universidade pública, gratuita, laica, popular e inclusiva. Essa edição destaca a ampliação do sistema de cotas na UNEB (Resolução mil trezentos e trinta e nove, aprovada no ano de dois mil e dezoito pelo Conselho universitário).

    Ainda há muito a conquistar e estamos avançando na construção de uma universidade em que se respeita a diferença.

Contamos com a sua participação, afinal você é a UNEB!

 

Vídeo de lançamento (Gravado antes da Pandemia da COVID 19)

HQ Afirmativa digital (Arquivo PDF)

Audiodescrição (Leitor de PDF)

Vocalização da audiodescrição da HQ Afirmativa (Arquivo Mp3)

 

Qual justificativa?

A revista é mais uma fermenta para difundir os aspectos do Sistema de Cotas da UNEB (resolução 1339/2018), tendo seu público alvo estudantes do Ensino Médio e aqueles que tenham interesse em adentrar na universidade através das cotas unebianas, como também a comunidade acadêmica da UNEB. Por ser um material produzido pela universidade, se faz importante e necessário ter os recursos de acessibilidade (Legendas, Libras e áudio descrição).

Descritivo do projeto?

A HQ Afirmativa é uma revista em quadrinhos que trata sobre o Sistema de Cotas da UNEB a partir do cotidiano de estudantes da universidade, desde o seu primeiro dia de aula. Lançada no final de 2019 no IV ENINEPE, a HQ Afirmativa envolve humor, críticas, ativismos e conhecimentos sobre o universo unebiano, sua estrutura e normativas. A revista é composta por 11(onze) personagens cotistas das diferentes categorias (Negros/as; Indígenas; Quilombolas; Ciganos/as; Pessoas com deficiências, Transtorno do Espectro Autista e Altas Habilidades; Travestis e Transexuais). Uma revista que busca difundir o Sistema de Cotas através de ilustrações e conversações com uma perspectiva descontraída buscando alcançar estudantes do Ensino Médio e de cursos pré-vestibular, a exemplo da Universidade Para Todos, (UPT/UNEB), onde a mesma foi distribuída fisicamente para os estudantes de todos os polos, no ano do seu lançamento impresso.