18

jun

Repórter: Mariana Ellen Barbosa/Campus XIV   |   Postado por: Danilo Oliveira às 18:56 hrs

UNEB inaugura Centro Acadêmico de Educação do Campo e Desenvolvimento Territorial Paulo Freire

Com mediação de Keu Silva e Icaro Rebouças, aconteceu na noite de ontem (17), através de uma live no Youtube, a inauguração do Centro Acadêmico de Educação do Campo e Desenvolvimento Territorial Paulo Freire (CAECDT).

O evento teve início com a exibição de uma mística, no qual diversas representações dos movimentos do campo falaram sobre a importância do Centro, sua história e articulação. Logo após, ocorreu a mesa de autoridades composta pelo Reitor da UNEB, professor José Bites de Carvalho; o Reitor da UFRB, professor Fábio Josué Santos; a Secretária de Políticas da Igualdade Racial, Fabya Reis; o Deputado Federal pelo PT- BA, Valmir Assunção; o Deputado Estadual pelo PT–BA, Marcelino Galo; o Prefeito de Conceição do Coité no período de 2013 a 2020, Francisco de Assis; a representante do Fórum de Diretores da UNEB, professora Érica Nogueira; o representante do Governo do Estado, Marcius Gomes; a representante da ADUNEB, professora Ronalda Barreto; o representante do SINTEST, Jerônimo Rodrigues; a representante do DCE/ UNEB, Marina Amaral; a representante dos movimentos sociais e do Fórum de Educação do Campo do Estado da Bahia, Leila Santana; e a Coordenadora do CAECDT, professora Rosana Rodrigues.

Em sua fala, a professora Rosana ressaltou que “o CAECDT Paulo Freire nasce da articulação da UNEB com os sujeitos históricos do campo, com a necessidade de acolher os projetos demandados pelas comunidades camponesas e movimentos sociais (…)” e que este “se propõe a ser um espaço de referência para a construção de conhecimento a cerca dos fenômenos educativos”.

O reitor da UNEB, professor Bites, salienta que “o povo do campo nos tem ensinado uma pedagogia própria e que a Universidade está atenta a esses conhecimentos, para articulá-los com o conhecimento acadêmico e coletivamente produzir novos saberes”.

Após a fala do Reitor, foi exibido o vídeo da cerimônia restrita realizada no último dia 02, que contou com uma roda de conversa, plantio de árvores e a cerimônia de descerramento da placa que inaugurou oficialmente o espaço. Vale ressaltar que além da placa tradicional utilizada nos prédios públicos o CAECDT conta com uma segunda placa que registra e homenageia todos os movimentos sociais que fazem parte desse projeto.

Estiveram presentes na cerimônia presencial o músico e representante dos movimentos sociais, Ezequiel Santiago; a poetisa, Keu Silva; a coordenadora do centro, professora Rosana Rodrigues; o reitor, José Bites de Carvalho; Ilzimar Oliveira, diretora substituta da UNEB/ Coité;  Jucilene Ferreira, representante dos colegiados dos cursos de Agroecologia; Telma Nascimento representante da UNEB/ Serrinha; Joseane Alves, representante dos trabalhadores do CAECDT; Eugênia Mateus, Secretária de Educação de Coité; Arismário Barbosa, prefeito de Santaluz; o presidente da FATRES, Urbano Carvalho; Gileilda Costa, representando o colegiado do CAECDT, e os estudantes do curso de agroecologia Ane Karolina de Jesus, Lucas da Cruz e Rosiane Oliveira, além do Secretário de Agricultura e Meio Ambiente de Santaluz, José Hamilton; e do Vereador de Santaluz Vanvan.

Posterior ao vídeo, o professor José Bites de Carvalho encerrou a cerimônia e deu-se início a uma mesa que contou com a presença da professora Rosane Vieira, Diretora UNEB/ Coité; a professora Eliene Maria Silva, Pró-Reitora De Graduação; a professora Márcea Sales, Pró-Reitora de Pós-Graduação; a professora Elivânia Reis, Pró-Reitora de Assistência Estudantil; a professora Adriana Marmori, Pró-Reitora de Extensão e Poliana Reis, Coordenadora da Educação do Campo na Secretaria de Educação do Estado da Bahia.

A professora Rosane Vieira salientou que “os povos do campo precisam ocupar esses espaços de poder dentro da Universidade, para poder avançar nessa luta que não se restringe apenas onde está o CAECDT”, reforçando a sua abrangência multicampi.

O evento contou ainda com as apresentações culturais de Ana Chã, Raumir Souza, César Damásio e Rosalvo José, com mediação da professora Lídia Barreto.

Veja outros registros do evento

Imagens: Nucom/Campus XIV