17

mar

Autor: UNEB   |   Postado por: Danilo Oliveira às 16:36 hrs

Em defesa do SUS e da vacina, UNEB adere ao Pacto pela Vida e pelo Brasil

A Universidade do Estado da Bahia (UNEB) solidariza-se com familiares e amigos das quase 280 mil vítimas da COVID-19 no Brasil. Não são apenas números, mas, vidas, histórias e famílias perdidas. Muitas dessas mortes poderiam ter sido evitadas, se houvesse eficiência na gestão do governo brasileiro para controle das crises sanitária e de saúde pública.

O Conselho Universitário (Consu), instância máxima deliberativa da UNEB, reunido no último dia 10 de março, reafirmou para toda a sociedade baiana seu posicionamento em defesa ao Sistema Único de Saúde (SUS) e o compromisso com a Ciência, ao tempo em que solicita medidas urgentes por parte das autoridades competentes para a celeridade da vacinação do povo brasileiro.

Assim, a instituição manifesta apoio ao Pacto pela Vida e pelo Brasil e ao documento produzido pelas instituições signatárias, intitulado “O povo não pode pagar com a própria vida!”.

A UNEB defende que a pandemia não será vencida com insensatez, negacionismo, obscurantismo e discursos raivosos, mas, com o compromisso com a Ciência, a defesa do SUS e de medidas urgentes por parte das autoridades competentes. Urge a necessidade da ampla vacinação do povo brasileiro para a superação da pandemia.

A UNEB entende que este momento demanda união entre a comunidade acadêmica e toda a sociedade, por ações de combate ao vírus, na defesa da vacina e da vida.

17 de março de 2021
Universidade do Estado da Bahia