18

fev

Repórter: Danilo Cordeiro, Núcleo de Jornalismo/Ascom   |   Postado por: Wânia Dias às 17:15 hrs

UNEB recebe certificação para uso do Sistema Rede Nacional de Pesquisa e Ensino

A UNEB recebeu o certificado de Organização Usuária Qualificada do Sistema Rede Nacional de Pesquisa e Ensino (RNP).

A titulação, solicitada pela Gerência de Informática (Gerinf) da universidade, tem por finalidade habilitar a instituição no uso dos serviços da RNP.

A plataforma digital é responsável pelo desenvolvimento, oferta e uso de serviços e facilidades para atender às necessidades da pesquisa, educação e inovação.

O sistema explora tecnologias de informação e comunicação emergentes, disponibilizando uma ciberinfraestutura de recursos federados, seguros, de alta capacidade e desempenho, por meio de mecanismos de governança multiinstitucional, estabelecidos pelo Programa RNP.

“O ingresso da UNEB na plataforma significa fazer parte de uma infraestrutura de rede segura, de alta capacidade e desempenho para transmissão de dados com um custo baixo, além disso, oportuniza o acesso a diversos serviços voltados ao ensino, pesquisa e inovação e a redes colaborativas, como a Rede Universitária de Telemedicina (Rute)”, explicou o gerente da Gerinf, Bruno Leite.

Para o docente e gerente de pesquisa da Pró-Reitoria de Pesquisa e Ensino de Pós-Graduação (PPG) da UNEB, Eduardo Jorge, a inclusão da instituição no sistema permitirá que os pesquisadores (alunos, técnicos e docentes) possam usar uma rede de alta velocidade com o próprio login institucional, dentro da universidade e instituições parceiras da RNP.

“É muito relevante essa certificação alcançada pela UNEB, pois possibilita que os pesquisadores possam enviar grandes arquivos, acessar os principais periódicos da Capes e serviço de videoconferência e rede wi-fi através da eduroam, o que torna a plataforma importante instrumento no desenvolvimento das pesquisas”, ressaltou o gestor.

A plataforma digital faz parte do Programa Rede Nacional de Pesquisa e Ensino (RNP), coordenado pelos ministérios da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e da Educação (MEC).

O programa tem o objetivo de planejar e executar atividades de desenvolvimento tecnológico, inovação, operações de meios e serviços, envolvendo tecnologias de informação e comunicação para educação, ciência, tecnologia e inovação, e suas aplicações em políticas públicas setoriais.