14

mai

Repórter: Leandro Pessoa, Núcleo de Jornalismo/Ascom   |   Postado por: Wânia Dias às 11:06 hrs

Centro de Estudos disponibiliza online material didático sobre saberes indígenas

O Centro de Pesquisas em Etnicidades, Movimentos Sociais e Educação (OPARÁ) da UNEB disponibiliza, em repositório online, material didático e pedagógico produzido pelo projeto Ação Saberes Indígenas na Escola – convênio entre o MEC e a UNEB, sob coordenação do Centro.

A iniciativa tem como objetivo oferecer recursos para que professores e estudantes indígenas mantenham vivas as relações de ensino-aprendizagem à distância durante o período de confinamento social necessário para o enfrentamento a COVID-19.

“Em 14 de março, entregamos a versão impressa às escolas e, logo em seguida, começaram as medidas de distanciamento para superar a Pandemia. A equipe teve, então, a ideia de disponibilizar online para que os professores e estudantes da Educação básica possam desenvolver as atividades que forem possíveis neste período de isolamento social”, explicou a professora Floriza Sena, coordenadora do Opará.

Dentre as publicações disponíveis – elaboradas por professores da Educação Básica e estudantes da Licenciatura Escolar Indígenas do Campus VIII da UNEB, em Paulo Afonso, – é possível encontrar obras literárias escritas a partir da perspectiva dos povos originários brasileiros, livros de atividades para o período de suspensão das aulas presenciais e também material formativo para auxiliar os professores para atuação em mediação virtual.

Educação Indígena – Dentre as ações voltadas para os povos originários, a UNEB reserva 5% das vagas dos cursos de graduação e pós-graduação para estudantes indígenas.

A universidade conta ainda com a Licenciatura Intercultural em Educação Escolar Indígena (LICEEI), graduação em regime modular que oferece 60 vagas para estudantes indígenas nos campi de Paulo Afonso e Teixeira de Freitas.

Histórico – O Opará foi criado em 2008, no Departamento de Educação (DEDC), a partir do encontro de pesquisadores, estudantes, e representantes dos Povos Indígenas e Comunidades Tradicionais.

Seu principal objetivo é constituir-se como espaço acadêmico para a pesquisa e formação continua dos povos tradicionais, indígenas e lideranças de movimentos sociais. O Opará conta com núcleos também nos campi de Euclides da Cunha e Juazeiro.

Informações: www.oparauneb.com.