17

dez

Autor: Toni Vasconcelos/Ascom, com informações da Seavi   |   Postado por: Toni Vasconcelos às 19:48 hrs

UNEB avança mais uma vez na pontuação do Índice Geral de Cursos (IGC) do Inep/MEC

A UNEB alcançou a sua maior pontuação no Índice Geral de Cursos (IGC) nos últimos anos.

Na recente edição do índice (referente a 2018) divulgada este mês pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep/MEC), a universidade obteve 2,91 pontos, equivalendo ao conceito 3.

Esse resultado representa substancial avanço em relação, por exemplo, ao índice obtido pela universidade em 2014 (2,32). Nessa edição, 2.052 instituições foram avaliadas no país.

Segundo a Secretaria Especial de Avaliação Institucional (Seavi), setor da UNEB responsável por integrar os processos de avaliação internos e externos da instituição, a comunidade acadêmica da universidade tem motivos para comemorar o desempenho no IGC.

“O MEC/Inep utiliza esse índice como indicador de qualidade para avaliar as instituições de educação superior do país. A evolução da UNEB no IGC reflete, em especial, a participação mais qualificada dos nossos cursos de graduação no Enade (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes)”, destaca Ivan Novaes, coordenador da Seavi.

O coordenador acrescenta que a expansão e qualificação da pós-graduação stricto sensu da universidade também vêm somando para a crescente melhoria do desempenho no indicador: “Nessa edição, a UNEB alcançou 4,46 no conceito médio de mestrado e 5 no conceito médio de doutorado, em uma escala de 0 a 5”.

Na avaliação da Seavi, esses resultados refletem o processo evolutivo da universidade.

“A gestão da UNEB entende que deve manter seus esforços na permanente qualificação dos nossos cursos, amparada pela análise de resultados em avaliações como o Enade e autoavaliação conduzida pela CPA (Comissão Própria de Avaliação)”, conclui o coordenador.

Acesse aqui íntegra do relatório IGC 2018 (Inep/MEC)

Imagem: Anderson Freire/Ascom.