28

ago

Autor: Toni Vasconcelos / Ascom   |   Postado por: Toni Vasconcelos às 12:02 hrs

Conselho Universitário aprova novos cursos de mestrado e doutorado no interior e capital

Reitor José Bites e vice-reitor Marcelo Ávila, ladeados pelos presidentes das duas câmaras do Consu, coordenaram a sessão

O Conselho Universitário (Consu) da UNEB chancelou ontem (27), de forma definitiva, o processo de interiorização da pós-graduação stricto sensu na universidade.

Em sua terceira reunião neste ano, realizada no histórico edifício Jequitaia, bairro da Calçada, em Salvador, o Conselho aprovou cinco resoluções ad referendum autorizando a criação de novos cursos de mestrado e doutorado em campi no interior do estado.

São estes os cursos:

♦ doutorado acadêmico em Agronomia: Horticultura Irrigada (vinculado a programa de pós-graduação já existente), em Juazeiro;

♦ mestrado acadêmico em Ciências do Cuidar em Saúde (novo programa de pós-graduação), em Salvador e Senhor do Bonfim;

♦ mestrado acadêmico em Educação e Formação Docente (novo programa de pós-graduação), em Guanambi;

♦ mestrado profissional em Educação do Campo (novo programa de pós-graduação), em Conceição do Coité; e

♦ mestrado profissional em Ciências das Religiões (novo programa de pós-graduação), em Valença.

Além do novo programa em Ciências do Cuidar em Saúde em parceria interdepartamental com Senhor do Bonfim, o campus de Salvador vai sediar o curso de doutorado acadêmico em Estudo de Linguagens, que será vinculado ao já consolidado programa PPGEL.

Após detalhado exame dos processos em pauta pelas câmaras para Assuntos de Legislação e Normas (CLN) e para Assuntos de Administração (CAD), que compõem o órgão, a plenária deliberou favoravelmente também pela aprovação de regulamento para mobilidade e intercâmbio internacional de estudantes da graduação da universidade, proposto pela Reitoria, e pela criação de polos EaD na estrutura organizacional da instituição, de autoria da Unidade Acadêmica de Educação a Distância (Unead) da UNEB, entre outros processos.

Os conselheiros aprovaram ainda, por unanimidade, a designação das docentes da UNEB Tânia Benevides e Lídia Pimenta para as funções de, respectivamente, coordenadora e coordenadora adjunta na instituição do programa Universidade Aberta do Brasil (UAB).

Cerca de 40 conselheiros, de todos os campi da universidade, participaram dessa sessão do Conselho, instância máxima deliberativa da instituição.

Estudantes e gestores da universidade que participaram dos Juba 2019 foram homenageados pelos conselheiros.

Moção de aplausos: jogos universitários

Antes do início dos trabalhos da pauta da reunião, os conselheiros aprovaram moção de aplausos aos 170 estudantes da UNEB que participaram dos recentes Jogos Universitários da Bahia (Juba), realizados neste mês em Salvador e Lauro de Freitas.

A moção parabeniza também as comissões técnicas, gestores e equipes da universidade que trabalharam na organização do evento.

Os atletas da UNEB conquistaram seis medalhas nos Jogos. Alguns medalhistas estiveram na reunião do Consu, sendo saudados pelo conselheiros.

A participação da universidade nos Juba 2019 contou com o apoio da Vice-Reitoria, da Pró-Reitoria de Extensão (Proex) e da Assessoria de Gestão Setorial (AGS).

“A gestão universitária vai continuar apoiando os nossos atletas e o desenvolvimento do esporte na universidade, porque entendemos que as atividades esportivas são instrumento de complementação do processo formativo dos estudantes”, disse o reitor José Bites, presidente do Consu.

Em outubro, a Bahia vai sediar os Jogos Universitários Brasileiros (JUBs 2019), dos quais a gestão e as equipes da UNEB participarão amplamente.

No final da sessão, o Conselho constituiu comissão para tratar da implantação dos processos de dedicação exclusiva (DE) no regime de trabalho de docentes, pauta que vem sendo negociada com órgãos do governo estadual.

Fotos: Toni Vasconcelos/Ascom