29

mar

Autor: Reitoria da UNEB   |   Postado por: Danilo Oliveira às 19:06 hrs

Sobre comemorações…

Nota Pública da Reitoria da UNEB

Qual é o sentido da comemoração? Essa é uma experiência sempre atrelada à memória, à tradição e à legitimação de acontecimentos e ações, geralmente produzidas coletivamente. Também, comemorar evoca o sentido de vitória, de sucesso.

No que toca ao Golpe Militar de 1964, e à tentativa de transformá-lo em boa memória, isto é, algo que evoca identidade, luta coletiva, não encontra eco em nossa História, uma vez que esse episódio está mergulhado em autoritarismo, violência e morte.

Evocar esse período, marcado pela violência às instituições democráticas, à Democracia, será como anunciar uma nova punição às vitimas! Ferir, mais uma vez, as suas memórias e as de seus familiares! Impor uma nova tortura à sociedade, que se envergonha desse passado, que tem consigo a certeza dessa superação.

Promover desfiles militares, fazer tocar os seus hinos, marcharem seus soldados, cabos, tenentes, ao som de suas bandas, pode ter efeito contrário. Pode fazer levantar as barricadas, provocar a marcha dos cidadãos desempregados, dos velhos ameaçados pela reforma da previdência, dos desassistidos pela Saúde, dos jovens sem esperança, das mulheres mortas a tiro, das crianças mortas por balas perdidas. Um exército sem generais e sem ordem unida. Unidos apenas pelos sentimentos de ofensa e pelo respeito à cidadania.

Reitoria da UNEB