04

out

Autor: Núcleo de Jornalismo do DCH/Campus III, com edição da Ascom   |   Postado por: Wânia Dias às 11:59 hrs

VIII WECSAB discute Dimensões Políticas e Pedagógicas da Contextualização na conferência de abertura

Teve início, na última quarta-feira (3), o VIII Workshop Nacional de Educação Contextualizada para a Convivência com o Semiárido Brasileiro (WECSAB), no Departamento de Ciências Humanas (DCH), no Campus III da UNEB, em Juazeiro.

O evento, que abordou o tema Dimensões Políticas e Pedagógicas da Contextualização, é realizado pelo Programa de Pós-Graduação Mestrado em Educação, Cultura e Territórios Semiáridos (PPGESA), através do Projeto Reflexões dos Referenciais Teóricos da Educação Contextualizada, da unidade.

Estudantes de graduação e pós-graduação, professores, técnicos da educação básica, membros de movimentos sociais, profissionais e professores do Ensino Superior participaram da abertura do evento, marcada pela conferência que destacou a temática principal do evento.

A atividade foi ministrada  pelos professores Maria Cândida Moraes (UnB) e Juan Miguel Batalloso Navas (ECOTRANSD/Espanha), no Auditório ACM, no Departamento de Tecnologia e Ciências Sociais (DTCS), na unidade.

“É importante compreender bem o significado da palavra contextualização. Em que ela se fundamenta em termos de ciência e quais os desdobramentos e compromissos que devemos ter em relação a essa construção. É extremamente importante se conhecer o contexto, sem ele as coisas não fazem sentindo”, destacou a docente Maria Cândida.

A mesa solene foi composta pela diretora do DCH, Márcia Guena, pela coordenadora do PPGESA, Carla Paiva, e pelas coordenadoras do curso de Jornalismo, Andrea Santos, e do curso de Pedagogia, Sandra Novais. O primeiro dia do evento contou ainda com a apresentação do espetáculo Eu Vim da Ilha”, da Cia de Dança do Sesc.

A programação do VIII WECSAB segue com atividades até esta sexta-feira (5) e reserva, entre outras atividades, o lançamento do Prêmio Euvaldo Macedo Filho de Fotografia.

A iniciativa vai reunir imagens que retratam o semiárido brasileiro. As três melhores fotografias serão escolhidas por júri popular e pelos participantes do evento.

O objetivo do prêmio é homenagear o Poeta, fotógrafo e cineasta Euvaldo Macedo Filho. O artista juazeirense deixou um expressivo acervo de imagens e escritos que revelam a poesia e inteligência de sua obra.

Informações: https://wecsab.wixsite.com/2018