28

ago

Repórter: Danilo Oliveira/Ascom   |   Postado por: Danilo Oliveira às 15:26 hrs

Aula Magna (2017.2) da UNEB propõe reflexões sobre processos de ensino-aprendizagem

Para além das relações em sala de aula, Felipe Trillo convidou os participantes a refletirem sobre as emoções do aprendizado

“Penso que é necessário falar, explicitar, argumentar e contra-argumentar para que se sinta a emoção que tudo isso supõe. Assim, estamos a construir uma atitude que nos coloca em melhor posição para a aprendizagem e o desenvolvimento profissional”.

Aula foi prestigiada pela comunidade acadêmica

Essas foram algumas das palavras do pesquisador da Universidade de Santiago de Compostela (Espanha), Felipe Trillo, durante a Aula Magna do semestre letivo 2017.2 da UNEB, intitulada “O papel da universidade e dos docentes na formação de atitudes dos estudantes”.

A atividade foi transmitida por videoconferência para os departamentos da universidade, na capital e no interior, e integrou a programação da quinta edição do Colóquio de Práticas Pedagógicas Inovadoras (veja matéria), evento promovido entre os dias 23 e 25 de agosto, em Salvador.

O pesquisador ainda ressaltou que as atitudes precisam se tornar objetivo de atenção compartilhada, “cujo significado seja suscetível de ser negociado, em um frutífero diálogo educativo, que incorpora a orientação na dinâmica de aula no processo de ensino e aprendizagem”, ressaltou Felipe.

Construção ativa

Para o pesquisador, é importante que os docentes não ensinem apenas algo e como pensá-lo, mas também como refletir sobre os sentimentos envolvidos no processo de aprendizagem.

Felipe Trillo: “Aprendizagem se desenvolve”

“A aprendizagem não ocorre como algo que se faz sobre os estudantes, mas com eles. Não se transmite, mas se desenvolve. Precisamos tornar possíveis papeis diferentes dos tradicionais para docentes e estudantes, exigindo um modelo mais baseado na construção ativa, participativa e social do conhecimento”, destacou o conferencista.

Participaram do evento professores, estudantes e técnicos administrativos dos diversos campi da UNEB, em Salvador e no interior do estado, e de outras instituições públicas e privadas da Bahia.

A atividade foi seguida pelo lançamento do volume 6 da série Práxis e Docência Universitária: Desenvolvendo Competências na Universidade – perspectivas e práticas inovadoras na formação de profissionais (veja matéria).

O V Colóquio de Práticas Pedagógicas Inovadoras é promovido pela Pró-Reitoria de Graduação (Prograd) da UNEB, em parceria com o grupo de pesquisa Docência Universitária e Formação de Professores (Dufop), vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Educação e Contemporaneidade (PPGEduC) da universidade.

Confira mais fotos do evento em nosso Flickr.

Veja também:

Pesquisadores discutem desafios da docência universitária em colóquio

Autores da série Práxis e Docência Universitária dialogam sobre processo produtivo

Fotos: Cindi Rios/Ascom

Deixe uma resposta

Captcha base64