14

jun

Autor: Núcleo de Jornalismo   |   Postado por: Danilo Oliveira às 18:52 hrs

UNEB promove ato em memória de Helem Moreira e acolhe família de egressa

Comunidade acadêmica manifestou indignação com o bárbaro assassinato da jovem. Fotos: Cindi Rios/Ascom

O Departamento de Educação (DEDC) do Campus I da UNEB, em Salvador, promoveu na tarde de hoje (14) um ato em memória da egressa, recém-formada do curso de Pedagogia, Helem dos Santos Moreira, assassinada na última sexta-feira (9), em Vera Cruz, na Ilha de Itaparica.

Pai, irmãs, amigos e alunos da vítima participaram do evento

Durante a atividade, a comunidade acadêmica acolheu pessoas da família, amigos e alunos da pedagoga. Participaram também representantes da Equipe Central de Gestão Universitária (ECGU), pesquisadores, estudantes e técnicos administrativos da universidade.

O ato teve como proposta homenagear Helem Moreira, mulher militante feminista negra, e registrar a cobrança dos integrantes da instituição pelo acompanhamento e empenho efetivo dos poderes públicos envolvidos na apuração do caso.

Foram ainda apresentadas aos participantes ações que já têm sido discutidas ou desenvolvidas para o fortalecimento da luta contra o feminicídio, o racismo e qualquer outra forma de crime e discriminação contra mulheres, negros, LGBTs e todos os grupos sociais mais vulneráveis.

Homenagens foram registradas em cartazes espalhados pelo DEDC

Pesquisadores e estudantes da universidade estão também articulando uma mobilização da comunidade acadêmica para o desenvolvimento de debates e audiências públicas no município de Vera Cruz.

Consternada com o bárbaro assassinato, a UNEB tem envidado esforços para a realização de audiências junto às Secretarias Estaduais de Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS) e de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi) e de Políticas para as Mulheres (SPM) com o objetivo de mobilizar o poder público para a promoção de uma campanha permanente no estado contra a violência à mulher e o feminicídio.

Em alinhamento à sua vocação institucional, a universidade constituiu ainda, na última terça-feira (13), uma comissão com a finalidade de propor conteúdos de relações de Gêneros e Sexualidades no Currículo de Graduação dos cursos da instituição.

Deixe uma resposta

Captcha base64