29

mai

Repórter: Ícaro Rebouças/Reitoria   |   Postado por: Danilo Oliveira às 16:15 hrs

Reitor dialoga com estudantes indígenas e servidores no Campus de Juazeiro

Planos de carreira, promoção e progressão funcionais, regime de trabalho e concurso foram questões discutidas em reuniões

Na noite da última sexta-feira (26), o reitor da Universidade do Estado da Bahia, José Bites de Carvalho, esteve no Campus III da instituição, em Juazeiro, para participar da abertura do II Encontro de Estudantes Indígenas da UNEB, realizada no Departamento de Ciências Humanas (DCH).

Estudantes indígenas realizaram o ritual Awê durante o evento

O evento, que reuniu representantes dos povos Tuxá, Truká, Tumbalalá, Chiquitano, Kaimbé, Pataxó e Atikum Umã, teve como tema A presença indígena na universidade: acesso e permanência ainda é um desafio e discutiu as dificuldades enfrentadas pelos discentes indígenas, com colaborações do Núcleo Indígena da UNEB (NIU), composto também por estudantes.

A atividade foi fruto de parceria entre o Diretório Central dos Estudantes (DCE) da UNEB, o Centro de Pesquisa em Etnicidades, Movimentos Sociais e Educação (Opará) e a Fundação Nacional do Índio (Funai).

Reuniões com técnicos administrativos

Ainda durante a visita, o reitor participou de reuniões com os servidores técnicos administrativos do Departamento de Tecnologias e Ciências Sociais (DTCS) e do DCH, acompanhado pelo então Pró-reitor de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas (PGDP), Marcelo Ávila, recentemente nomeado Pró-reitor de Administração (Proad), e pelo diretor do DCH do Campus IV da instituição, em Jacobina, João Rocha.

O reitor participou de reuniões com os técnicos administrativos do DCH e do DTCS

Durantes as reuniões, assuntos como a fragilidade dos planos de carreira dos técnicos administrativos, promoção e progressão funcionais, alterações no regime de trabalho e concurso público foram tratados entre os gestores e a categoria.

De acordo com o professor Bites, as questões apresentadas já foram discutidas no dia anterior (25), durante a reunião entre os Fóruns dos Reitores das Universidades Estaduais da Bahia (Ueba) e dos representantes dos Técnicos Administrativos das instituições, e estão sendo encaminhadas.

Reunião entre fóruns

Os Fóruns dos Reitores das Ueba e dos representantes dos Técnicos Administrativos das instituições se reuniram, na última quinta-feira (25), para discutir as pautas internas e externas da categoria.

Durante o encontro foi deliberado que os gestores vão encaminhas aos sindicatos a apresentação do orçamento das universidades relacionado às questões do segmento, o custo relativo e a projeção do impacto das progressões e promoções funcionais de 2016 nas folhas de pagamento das instituições.

Reitores e técnicos discutiram e encaminharam pautas internas e externas da categoria

Também foi acordado que os técnicos administrativos serão informados sobre a situação dos pedidos de aumento de carga horária de 30h para 40h, com o referente impacto no orçamento e a viabilidade orçamentária, projetando o impacto na tabela da Gratificação de Suporte Técnico Universitário (GSTU).

Além disso, o Fórum de Reitores se comprometeu em lançar nota se posicionando sobre a necessidade urgente de realização de concurso público, sobre a não inclusão em folha dos valores referentes às progressões, sobre a ausência de instrução para promoção dos servidores e defendendo que haja uma nova regulamentação para permitir celeridade na ampliação dos cargos comissionados.

O Fórum de Técnicos considerou que o diálogo foi importante, salientando que o exercício de alteridade deve orientar a atuação dos gestores e dos sindicatos.

Fotos: Ícaro Rebouças/Reitoria

Deixe uma resposta