24

abr

Repórter: Danilo Oliveira/Ascom   |   Postado por: Danilo Oliveira às 17:26 hrs

UNEB conclui provas do Vestibular 2017.2; gabaritos serão divulgados nesta semana

O candidato Regivaldo Neri Santos contou com suporte de audiodescrição e prova em Braile. Fotos: Cindi Rios/Ascom

A UNEB concluiu a aplicação das provas do Vestibular 2017.2. Os candidatos às 3.185 vagas oferecidas pela universidade realizaram, hoje (24), os exames de matemática e ciências da natureza (física, química e biologia) e tiveram até 4h para finalizar a etapa do certame.

Assim como no primeiro dia, as provas foram aplicadas em 95 estabelecimentos de ensino baianos, sendo 28 em Salvador e 67 no interior do estado.

O índice total de abstenção do certame foi de 30,62%, inferior ao do ano anterior

De acordo com o Centro de Processos Seletivos (CPS) da UNEB, o índice total de abstenção do certame foi de 30,62% (12.564 candidatos ausentes), porcentagem inferior à do vestibular do ano anterior 32,52% (12.596 candidatos ausentes).

No Vestibular UNEB 2017.2, as graduações mais concorridas em Salvador foram Medicina (638 candidatos/vaga), Nutrição (77 candidatos/vaga) e Fisioterapia (68 candidatos/vaga).

Já no interior, houve maior procura pelos cursos de Direito oferecidos nos campi de Camaçari (38 candidatos/vaga), Juazeiro (37 candidatos/vaga) e de Jacobina (36 candidatos/vaga).

Veja concorrência pelas vagas no site do Vestibular UNEB 2017.2

Os participantes concorrem às vagas distribuídas em 112 opções de cursos de graduação presenciais, oferecidas nos campi de Salvador e outras 22 cidades baianas, com entrada para o segundo semestre de 2017.

Por motivo de segurança, os gabaritos dos exames do concurso estarão disponíveis a partir da próxima quarta-feira (26). O resultado final do Vestibular 2017.2 deverá ser divulgado a partir do dia 29 de maio.

Sonho da formação superior

Aos 12 anos, Regivaldo Neri Santos perdeu a visão. Apenas dois anos depois ele aprendeu a ler em braile. Entretanto, os obstáculos não foram capazes de impedir o jovem, atualmente com 22, de pleitear uma vaga na UNEB e concluir hoje (24) as provas do Vestibular 2017.2 da instituição.

“Vejo aqui a oportunidade de seguir para uma universidade pública, já que venho de escola pública. A prova foi super tranquila e achei a redação muito fácil. O suporte que a universidade me deu, ajudou bastante e atendeu às minhas necessidades, conforme a minha deficiência”, avaliou o candidato, que tenta uma vaga para Direito, no Campus de Camaçari.

Emilly Andrade elogiou a dinâmica utilizada para apresentar a proposta de tema da redação

De acordo com as profissionais aplicadoras especiais Daniele Bengard e Emiliana Guedes, responsáveis por realizar a audiodescrição da prova, o jovem teve sala exclusiva no Colégio Estadual Deputado Manoel Novaes, no bairro do Canela, em Salvador, recebeu a tabela periódica e cópia da prova em Braile, e contou com uma fiscal, que o acompanhou nos dois dias de processo seletivo.

Tão certa das suas escolhas como Regivaldo, a jovem Emilly Andrade também concorre a uma vaga no curso de Direito de Camaçari. Mais tranquila após a conclusão dos exames, ela elogiou a dinâmica utilizada para apresentar a proposta de tema para a redação, que convocou os participantes a propor alternativas para resolução de um dos sete problemas urbanos apresentados.

Avaliação do Vestibular 2017.2

O coordenador do CPS, Antoniel Barros, destacou que o Vestibular 2017.2 contou com o trabalho de aproximadamente 2.600 colaboradores e registrou 40.634 inscritos.

De acordo com o coordenador do CPS, o vestibular ocorreu em clima de tranquilidade

“O clima do certame foi de tranquilidade. Contamos com um atendimento eficiente e rápido, com as intercorrências pontuais sendo sanadas em tempo hábil. Além de agradecermos aos nossos colaboradores, é importante registrar os apoios institucionais que recebemos, como o da Política Militar e da Coelba (Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia)”, avaliou o coordenador.

Ainda de acordo com Antoniel, foram ofertados 67 atendimentos especiais, na capital e no interior do estado, para garantir o direito de participação de todos no certame com conforto e qualidade. Foram oferecidos serviços como: audiodescrição, provas ampliadas e em Braile, além de intérprete da Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Deixe uma resposta

Captcha base64