03

abr

Repórter: Toni Vasconcelos/Ascom*   |   Postado por: Toni Vasconcelos às 17:39 hrs

UNEB participa da organização da primeira edição da Campus Party na Bahia

Reitor José Bites, gestores e estudantes do Acso veem evento como oportunidade para fortalecer área na universidade

A Bahia vai sediar, pela primeira vez, uma edição da Campus Party. Considerado a maior experiência tecnológica do mundo, o evento acontecerá entre os dias 9 e 13 de agosto na Arena Fonte Nova, em Salvador.

A UNEB está participando ativamente da organização dessa edição. Segundo o professor Josemar Rodrigues, coordenador geral do Núcleo de Arquitetura de Computadores e Sistemas Operacionais (Acso) da universidade, a equipe de estudantes e docentes do núcleo tem se reunido com os organizadores da edição, apresentando propostas que ampliem a inclusão no evento.

“Quando o pessoal da Campus Party soube do Acso, dos vários prêmios e títulos que já conquistamos em certames no Brasil e em outros países, perceberam que temos muito a contribuir nessa organização”, contou Josemar, adiantando que a equipe do Acso vai participar de mais uma edição do Robocup, campeonato mundial de robótica, em julho, no Japão.

Gestores e comunidade acadêmica da UNEB e de outras universidades e organizações participaram, na manhã de hoje (3), do anúncio oficial da realização da edição baiana da Campus Party, feito pelo governador Rui Costa, na Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), na capital.

Na avaliação do reitor da UNEB, José Bites de Carvalho, a vinda de um evento de tecnologia de ponta desse porte para a Bahia “vai abrir muitas portas e oportunidades especialmente para os jovens que se interessam por essa área, que poderão apresentar seus conhecimentos e experiências, em associação ou não com suas escolas e universidades”.

“A UNEB terá – ou melhor, já está tendo – papel destacado na Campus Party Bahia. Porque possuímos grupos de pesquisa reconhecidos nas área de robótica, sistemas computacionais, games educativos e outras que vão se articular e apresentar seus trabalhos e expertises, dialogando com pessoas e instituições do Brasil e do mundo”, salientou Bites.

A UNEB também vai ganhar um novo Laboratório de Robótica, a ser instalado no Campus Avançado de Canudos. A iniciativa foi confirmada hoje pelo secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Vivaldo Mendonça, e pelo presidente da Campus Party, Francesco Farruggia, que vão repassar os recursos financeiros para o equipamento na universidade.

“O secretário e o presidente visitaram Canudos na sexta-feira passada. Conheceram o trabalho que a universidade vem desenvolvendo no município, onde recentemente inauguramos um novo campus avançado. E se comprometeram a apoiar financeiramente a instalação desse laboratório de robótica, que contará com a articulação das equipes do Acso e do Projeto Canudos”, contou o reitor.

O titular da Secti também solicitou ao reitor que encaminhasse para análise da secretaria estadual novos projetos de laboratório nessa área, a serem implantados em outros campi da universidade. “Essa articulação vem fortalecer ainda mais essa área na UNEB, atendendo outros departamentos que já desenvolvem projetos nesse âmbito”, disse Bites.

Mais de 1,5 mil barracas de participantes são esperadas na Campus Party Bahia, como acontece em muitas edições do evento

Quatro mil campuseiros

A Campus Party Bahia, que terá como tema Inovação produtiva, deve reunir cerca de quatro mil “campuseiros”, como são denominados os participantes do evento. Serão cinco dias de programação, 24 horas por dia, 300 horas de conteúdos em mais de 30 áreas de conhecimento.

A expectativa dos organizadores é de atrair 30 mil visitantes, além de apresentação de projetos de instituições tecnológicas e de ensino, palestras, workshops, robótica, maratona de negócios, entre outras atividades. Mais de 1,5 mil barracas serão armadas no local, por participantes que chegam do interior do estado, de outras cidades do país e do exterior, além da presença de convidados de renome nacional e internacional.

A primeira edição brasileira da Campus Party em 2017 está agendada para em junho, em Brasília. Em seguida, será a vez de Salvador. Realizado desde 1997, o evento se internacionalizou, passando a ter, a partir de 2008, edições no Brasil, Inglaterra, Alemanha, Colômbia, México, Equador, El Salvador, Cingapura, Itália, Portugal e Estados Unidos. Este ano, a Campus Party completa dez anos no Brasil.

Estudante do curso de Sistemas de Informação, do Campus I da UNEB, Emmanuel Argollo, disse que vai ter uma oportunidade que esperava há muito tempo.

“Minha expectativa é a melhor possível. É um evento que eu sempre tive vontade de participar, mas não conseguia ir por questões financeiras, e estou muito feliz. Nós, estudantes da área de tecnologia, vamos poder ver muita coisa e tudo muito atual, inclusive coisas que não vemos na universidade ainda e podemos vir a estudar no futuro”, destacou o discente.

* Com informações e fotos da Secom/Governo do Estado

Deixe uma resposta