17

mar

Autor: Núcleo de Jornalismo   |   Postado por: Danilo Oliveira às 19:32 hrs

CONSU aprova implantação do Centro Acadêmico de Educação do Campo

Durante o encontro foram aprovados processos relevantes para a comunidade acadêmica e os movimentos sociais

Em sua primeira reunião ordinária neste ano, o Conselho Universitário (Consu) da UNEB aprovou a implantação do Centro Acadêmico de Educação do Campo e Desenvolvimento Territorial da universidade.

A sessão foi realizada nessa quinta-feira (16), em Salvador, congregando mais de 40 conselheiros, entre gestores das administrações central e setorial da universidade e representantes dos segmentos da comunidade acadêmica.

De acordo com o reitor e presidente do Consu, José Bites de Carvalho, o centro será essencial para a institucionalização de uma política consistente voltada à área da Educação do Campo.

“A implantação consiste em um grande avanço para a UNEB. Essa é também uma vitória dos movimentos sociais e dessa relação histórica que eles desenvolvem com a universidade. Vejo como o fortalecimento da universidade inclusiva que defendemos”, destacou o gestor.

Vice-reitora da UNEB, Carla Liana manifestou o apoio da Administração Central à nova estrutura e afirmou que esta deverá fortalecer a identidade institucional da universidade, que há mais de 18 anos desenvolve trabalhos e ações na área de Educação do Campo.

Articulação e planejamento

Integrante do grupo responsável pelo acompanhamento e desenvolvimento do projeto de implantação do centro, o assessor especial da Reitoria, Marcius Gomes, explica que a aprovação do processo coroa o trabalho de dois anos de articulação com movimentos sociais e com secretarias de governo.

“A pauta da Educação do Campo é uma política de estado e, assim sendo, a UNEB assume o seu papel de poder ampliar essa discussão dentro da universidade de forma mais sistemática e orgânica, com a pesquisa, a extensão e o ensino”, avaliou o assessor.

O projeto de implantação do centro destaca o expressivo número de pesquisadores (mestres e doutores) que já desenvolvem trabalhos na área em diversos departamentos da universidade, a expertise da instituição para o trabalho com o campo e a estrutura própria que a UNEB já possui para a consolidação do equipamento no município de Conceição do Coité.

Regulamentação de estruturas

A plenária do Consu também aprovou, por unanimidade, a proposta de criação da Farmácia Universitária e do seu regimento interno, com o objetivo de regulamentar a estrutura que já foi implantada no Campus I da instituição, em Salvador.

“Esse é um processo importante, porque vai possibilitar, principalmente, a consolidação de convênios específicos com o Sistema de Saúde, para que a gente possa consolidar esses espaços formativos e ampliar o atendimento às comunidades”, avaliou o professor José Bites.

Também foram aprovadas as propostas de criação dos regimentos internos da Assessoria Especial de Cultura e Artes (Ascult); do Centro de Pesquisas em Etnicidades, Movimentos Sociais e Educação (Opará) e do Programa de Pós Graduação em Educação e Contemporaneidade (PPGEduC).

Entre outras deliberações, houve também a aprovação da criação do curso de licenciatura em Teatro no Departamento de Educação (DEDC) do Campus VII da UNEB, em Senhor do Bonfim.

Novas ferramentas institucionais

Antes da reunião, os conselheiros foram apresentados ao novo portal institucional da UNEB, lançado na última quinta-feira (9). A equipe da Assessoria de Comunicação prestou esclarecimentos sobre as fases de implantação e sobre as novas funcionalidades da ferramenta.

“O novo portal garante uma maior sistematização e validação das informações institucionais. Tudo isso com mais segurança e estabilidade para melhor atender às necessidades das estruturas da universidade. Contamos com o apoio de todos para a alimentação das informações necessárias e para a realização de ajustes, processo que deverá ocorrer até o fim deste ano”, ressaltou o assessor (Ascom) Tiago Sampaio.

A equipe da Ascom receberá as demandas apresentadas, tanto pela comunidade acadêmica e quando pelo público externo, pelo e-mail novoportal@uneb.uneb.br. Também serão promovidas formações presenciais e por meio de videoconferência para técnicos lotados em setores administrativos e acadêmicos de todos os campi da instituição.

O projeto do portal foi acompanhado pela Unidade de Desenvolvimento Organizacional (UDO), por meio da Gerência de Informática (Gerinf), e executado por empresa vencedora de processo licitatório, a Objeto Comunicação.

Outra ferramenta apresentada durante a reunião foi o novo Sistema de Agendamento de Eventos (Saev). Assessora Especial de Cultura e Artes (Ascult), Isa Trigo destacou algumas das principais melhorias: sistema de pré-agendamento aperfeiçoado, disponibilização dos documentos de Contrato de Cessão de Pauta, do formulário de Cancelamento de Pauta, do Rider Técnico e das Normas de utilização do Teatro UNEB.

Os participantes do Consu aprovaram ainda o calendário de reuniões ordinárias do conselho. As próximas estão previstas para os dias 8 de junho, 14 de setembro e 14 de dezembro.

Deixe uma resposta

Captcha base64