29

ago

Repórter: Danilo Cordeiro   |   Postado por: Danilo Oliveira às 13:50 hrs

Encontro multicampi reúne 80 servidores para discutir comunicação e cultura

Danilo Cordeiro
Núcleo de Jornalismo
Assessoria de Comunicação

x

Consolidar um ambiente privilegiado para a formação e qualificação continuada dos profissionais que constroem a comunicação da UNEB.

Essa foi a proposta do 2º Encontro Multicampi de Comunicação da UNEB (MultiCom), realizado entre os dias 23 e 25 de agosto, no Fiesta Bahia Hotel, no bairro do Itaigara, em Salvador.

x

A mesa de abertura da iniciativa, promovida pela Assessoria de Comunicação (Ascom) e pela Assessoria Especial de Cultura e Artes (Ascult) da instituição, foi presidida pelo reitor da UNEB, José Bites de Carvalho.

”Esse encontro é um importante passo para a institucionalização da comunicação na UNEB. Precisamos construir esse processo agregando todos os integrantes da universidade, pautados pelos princípios éticos da comunicação, para qualificação das nossas ações”, destacou o reitor.

O evento reuniu cerca de 80 participantes dos 24 campi, entre estudantes, professores e técnicos administrativos que atuam com comunicação na universidade.

“O Multicom é um evento que evidencia a definição de uma política de comunicação para a universidade que passa pela formação. Isto porque entendemos que além de estabelecer diretrizes para a comunicação, condizentes com os princípios da universidade, é preciso formação. Esta se destina a sensibilizar as pessoas para a importância estratégica da comunicação e da cultura como fatores de desenvolvimento de uma universidade plural.”, ressaltou o assessor de Comunicação da UNEB, Tiago Sampaio, que, na ocasião, lançou o Regimento Interno da Ascom, e os manuais de Relacionamento com a Imprensa, e de Redação e Estilo.

A assessora da Ascult, Isa trigo, reforçou que a comunicação e a cultura devem sempre andar de mãos dadas, e destacou a importância de ambas na formação e na vida do ser humano.

corpo_multicom2

“A cultura não é algo que está fora de nós. Não é algo abstrato, uma coisa que não existe, como são as teorias ou as estruturas de pensamento. Nada disso! A verdade mesmo é que se você vai sambar, quem samba é você. Não é o samba que samba, é você quem samba. O samba não existe sem estar corporificado. A cultura não existe separada do sujeito, assim como a comunicação. Existem os termos, os textos, que são muitos e são importantes, mas sem o sujeito, nada de cultura. Nada de comunicação”, analisou Isa Trigo.

Também estiveram presentes na mesa de abertura do evento, o chefe da Unidade de Desenvolvimento Organizacional (UDO) da UNEB, Benjamin Ramos, a pró-reitora de Administração (Proad), Luzinete Gama, e o pró-reitor de Infraestrutura (Proinfra), Fausto Ferreira.

Diagnóstico e perspectivas da comunicação institucional da UNEB

x

A programação do evento reservou ainda a mesa-redonda Diagnóstico e perspectivas sobre a comunicação institucional da UNEB com a participação de professores de cursos de comunicação da universidade.

Segundo a docente Emanuele dos Santos, do Curso de Jornalismo em Multimeios, do Campus XXIII, em Seabra, é necessário analisar, dentro do plano de comunicação da universidade, as necessidades e peculiaridades dos campi do interior.

“É preciso entender que a comunicação deve estar interligada, integrada e adequada aos diversos públicos com os quais a instituição se relaciona. Além disso, é preciso sensibilizar os gestores sobre a necessidade e importância do exercício da comunicação na universidade”, pontuou a docente.

Participaram ainda da discussão a professora Vilbégina Monteiro, do curso de Rádio e TV do Campus XIV, em Conceição do Coité, o professor do curso de Relações Públicas do Campus I, em Salvador, Leonardo Cunha, e a professora do curso de Jornalismo Multimeios do Campus III, em Juazeiro, Manuela Pereira. A atividade foi mediada pelo Assessor (Ascom), Tiago Sampaio.

Ambiente formativo e trocas de experiências

A 2ª edição do MultiCom oportunizou um ambiente formativo na intenção de auxiliá-los na padronização das ações de comunicação da universidade.

x

Além das mesas, a programação reservou oficinas de cobertura e redação jornalística, roteiro audiovisual, fotografia e formação em cultura.

“O conhecimento que adquirimos durante o evento vai qualificar as atividades de comunicação dentro dos departamentos e torná-las mais eficientes, frisou Elvis Soares, agente de comunicação do campus de Seabra.

O II Multicom encerrou as atividades com a mesa Políticas, estratégias e ações de comunicação e cultura na UNEB, que contou com a participação dos assessores Tiago Sampaio e Isa Trigo, e dos coordenadores de núcleos da Ascom Adriano Reis (Design) Wânia Dias (Jornalismo), Josenildes Oliveira (Relações Públicas), e Paulo Coelho (Audiovisual), além da coordenadora do Grupo Criativo de Comunicação da Ascult, Qhele Jemima.

Você já visitou a página da Ascom? Clique aqui e conheça!
Confira mais fotos do evento em nosso Flickr.

Deixe uma resposta