05

jul

Repórter: Rafaela Landim   |   Postado por: denisenascimento às 10:02 hrs

UNEB participa institucionalmente da celebração pela Independência da Bahia

Rafaela Landim
Núcleo de Jornalismo
Assessoria de Comunicação

x
A comunidade integrou o cortejo no tradicional percurso que teve início no Largo da Lapinha. Fotos Divulgação

A UNEB participou institucionalmente do tradicional Cortejo Cívico em celebração a Independência da Bahia no dia 2 de Julho.

Através do projeto de extensão UNEB no Largo, a comunidade acadêmica integrou o cortejo no tradicional percurso que têm inicio no Largo da Lapinha, no Pavilhão Dois de Julho onde se encontra a imagem do Caboclo, símbolo da Independência da Bahia, e segue até o Campo Grande.

Este ano a iniciativa trouxe como novidade a exposição virtual “Olhares ao 2 de julho”, que será composta por fotos do evento do cortejo.

“Temos como objetivo ir às ruas e fazer com que a UNEB seja vista. Conseguimos fotos com personalidades importantes, que vestem a camisa da Universidade e apoiam o nosso projeto. Este é um produto para a memória da UNEB, inserindo figuras emblemáticas na nossa história”, frisa Gildeci Leite, assessor de projetos Interinstitucionais para a difusão Cultural (Apidic) da UNEB.

A exposição poderá ser acessada a partir do dia 28 de julho, na página do projeto no Facebook.

UNEB no Largo

O Projeto UNEB no Largo foi criado em 2014 com o objetivo de aproximar a universidade das manifestações populares e desenvolver pesquisas interdisciplinares sobre o tema.

O professor Gildeci Leite, idealizador da iniciativa, ressaltou o compromisso da UNEB com as temáticas da cultura e diversidade do povo.

“O 2 de Julho é sem dúvidas uma das mais importantes comemorações para o Estado da Bahia. Levar um pedaço da UNEB para as ruas em busca de boas memórias, traz um olhar especial para a Universidade”, frisou Gildeci Leite.

Tradição – O cortej

Deixe uma resposta