08

out

Autor: EDUNEB ASCOM   |   Postado por: faviana às 09:38 hrs

GURGALHA: UM CORONEL E SEUS DEPENDENTES NO SERTÃO BAIANO

GURGALHA: um coronel e seus dependentes no sertão baiano (Morro-do-Chapéu, Século XIX)

Em GURGALHA: um coronel e seus dependentes no sertão baiano (Morro-do-Chapéu, Século XIX), Jackson Ferreira relata e analisa a história do coronel Quintino Soares da Rocha e de dona Umbelina Adelaide de Miranda que formaram, entre 1834 e 1880, o casal mais rico e poderoso de Nossa Senhora da Graça do Morro do Chapéu, Chapada Diamantina, Bahia. Eram senhores de muitas terras (sítios, fazendas, posses) dentro e fora da província, gados e gente. Até 1880, ano da morte do coronel, o casal possuíra mais de cem escravos. Muitos nasceram em suas propriedades, outros chegaram em seu poder através de heranças, dote e cobrança de hipotecas. Além de escravos, tivera sob sua dominação um número expressivo de libertos, homens livres, pobres ou não, e membros de suas famílias. Patrimonialismo, escravidão e afetividade numa obra basilar.

Deixe uma resposta